Blog

Categorias

Blog

Categorias

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

BlockChain não se aplica somente a área financeira

Falar de BlockChain sem associar com área financeira é inevitável. O termo surgiu do encontro desses dois universos. As criptomoedas (Bitcoin, posteriormente, Ether e Litcoin) são exemplos dessa união. No entanto, o conceito não se restringe somente à área de finanças, pois a tecnologia pode ser aplicada em diversas frentes de atuação.

A Neobpo recentemente lançou uma plataforma para Onboarding e formalização de acordos totalmente digital para qualquer tipo de contrato, eliminando o fluxo e troca de documentos e o uso de papel. A solução chamada de iGree utiliza a tecnologia BlockChain para segurança e confiabilidade na troca e armazenamento de informações em diferentes blocos virtuais, conforme podemos ver nesta matéria veiculada pela Call to Call

O que é o BlockChain?

O BlockChain é um livro-razão que funciona como uma cadeia de blocos virtuais com informações. Cada bloco tem o seu arquivo e hash. Essa cerquilha é o que garante a conexão e segurança entre os blocos. 

Uma das razões que a tecnologia chama atenção é o risco de invasão ser extremamente difícil. A rede, além de descentralizada, conta com diversas camadas de segurança. Na prática, toda vez que o sistema identifica e reconhece um ataque em potencial, ele automaticamente trava em questão de segundos.

O plano chinês em se tornar um hub global de BlockChain

A corrida para ocupar a liderança no segmento tecnológico é levado a sério pela China. O governo local de Pequim está com um plano ambicioso de criar uma estrutura unificada baseada em BlockChain para governança digital, facilitar o compartilhamento de dados entre agências e empresas e permitir a colaboração entre departamentos e regiões. 

O projeto apresenta somente os primeiros passos para implantar a tecnologia na capital chinesa. A íntegra do plano de 145 páginas pode ser acessada por aqui. O objetivo é se tornar um centro global para o desenvolvimento e aplicação da tecnologia até 2022. 

Entre as frentes de atuação, o governo chinês selecionou 12 projetos para começar o plano nas áreas de alfândega, carga, finanças e imóveis. Confira mais detalhes de quais são, acessando “Pequim divulga plano para governo baseado em BlockChain”. 

Dados globais sobre BlockChain

A “Pesquisa global de BlockChain 2019” da empresa americana Deloitte mostra que as fintechs são as que mais utilizam a tecnologia. No entanto, o uso está sendo expandido para outras áreas (tecnologia, mídia e telecomunicações, saúde e governo). O BlockChain está se tornando uma solução pragmática às empresas. Confira alguns insights abaixo:

  • 40% das empresas participantes estão dispostas a aplicar US$ 5 milhões ou mais em novas iniciativas de BlockChain nos próximos 12 meses.
  • 53% afirmam que a tecnologia se tornou uma prioridade crítica para suas organizações em 2019, um aumento de 10% em comparação ao ano anterior.
  • 83% dos entrevistados afirmaram ver casos efetivos, usando a ferramenta.

Saiba mais sobre o iGree 

Além de usar o BlockChain para armazenar informações de modo criptografado, o iGree é uma nova plataforma digital baseada em inteligência artificial. Por meio de selfie, vídeo e biometria de voz, a solução identifica os usuários em menos de um minuto e de forma segura, gerando um score de tomada de decisão com base em parâmetros e consultas realizadas de forma automática em órgãos externos, auxiliando no cruzamento dos dados e na criação de modelos preditivos para score e antifraude durante a jornada do usuário. 

A Neobpo é uma empresa especialista em tecnologia e na criação de produtos digitais e serviços de atendimento, aliando consultoria CX, UX e Design Thinking. Entre em contato com os nossos consultores para desburocratizar os processos de Onboarding e acordos da sua empresa.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin