Blog

Categorias

Blog

Categorias

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Tipos de fraudes mais comuns no Brasil e como evitá-las

Em um mundo que cresce em ritmo cada dia mais acelerado, muitas vezes, empresas e consumidores são vítimas de pessoas mal intencionadas. No artigo a seguir, iremos abordar alguns tipos de fraudes mais comuns na internet, que costumam fazer milhares de vítimas todos os dias.

Neste artigo, falaremos quais são as ações dos fraudulentos, dentro e fora da internet, e como as soluções comercializadas pela Neo podem te ajudar na luta contra esse crime.

Boa leitura!

O que são fraudes?

Para iniciarmos essa discussão, precisamos contextualizar você sobre o que é considerado uma fraude.

Fraude é qualquer ato que leve o usuário ou a empresa ao engano, por meio de falsificações, a fim de obter vantagem sobre a vítima.

Destacaremos a seguir sobre fraudes virtuais no Brasil, como as bancárias, na internet, ou seja, as mais comuns:

Fraudes bancárias mais comuns

Com certeza você já recebeu uma ligação de alguém que dizia ser representante ou atendente de alguma instituição financeira. É possível que essa pessoa seja um estelionatário cometendo um crime de fraude bancária, com a intenção de obter os dados da sua conta.

As fraudes bancárias não são praticadas apenas nos meios de comunicação, por meio de telefones e supostas/suspeitas mensagens de texto via SMS e oferta de  prêmios. Também é possível ser vítima de fraude pessoalmente.

Nesse caso, o alvo mais fácil são os idosos que vão sozinhos às agências bancárias. No local, eles são ajudados por supostos colaboradores do banco que, na verdade, se aproximam para ter acesso aos dados do consumidor.

Fraudes envolvendo os cartões são as mais comuns no Brasil. Existem máquinas de autoatendimento manipuladas por criminosos para clonar os dados do cartão de terceiros. Elas são discretamente instaladas, quase imperceptíveis.

Fraudes mais comuns na internet

Como já falamos, as fraudes envolvendo os cartões de crédito são muito comuns na internet. Seja por meio de um cartão clonado ou violação de senha em loja online, são realizadas compras sem o conhecimento do proprietário do cartão, gerando um prejuízo ainda maior para o lojista, pois a vítima que teve seus dados roubados é reembolsada em grande parte das ocorrências.

Infelizmente, há casos relatados de fraudes cometidas por pessoas próximas à vítima, que efetuam a compra de má-fé, causando transtorno para o proprietário do cartão.

Phishing também é um outro tipo de fraude bem comum na internet. Porém, nesse caso, toda a ação é feita pela própria vítima, que é ludibriada por hackers, clicando em links, pop-ups, produtos maliciosos, tendo seus dados roubados.

Fraudes virtuais no Brasil

A Transformação Digital trouxe inúmeros benefícios, mas, com as facilidades tecnológicas, houve uma expansão de crimes e fraudes.

O contexto histórico mundial corrobora para esse crescimento, colocando o Brasil, em 2020, no ranking dos cinco países mais afetados por fraudes digitais, segundo relatório da Fraud & Abuse Report da Arkose Labs, empresa especializada em segurança da informação.

Pensando nisso, a Neo incorporou às suas soluções o iGree, uma plataforma completa de formalização de contratos digitais. Por meio dela, o cliente é capaz de “assinar” contratos por vídeo, sem sair de casa.

Enviando um vídeo-selfie, falando que concorda com os termos do contrato e alguns outros passos exigidos pela plataforma, o consumidor submete o seu aceite a uma validação que vai analisar imagem e voz para confirmar a identidade do cliente. Mais segurança para os negócios, mais comodidade para o cliente, mais agilidade para o processo.
Está interessado em saber mais ou ficou com alguma dúvida? Entre em contato com nossos especialistas.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin